Mostra 2
Transfigurações do agora: relações, materialidade e corpos do futuro
Criogenia, microchips implantados, extensões robóticas, incompletude (do corpo e do ser), relações virtuais, redes neurais. Qual será o futuro de nossos corpos? Quais serão seus limites e que espaços poderão ser ocupados por eles?

O corpo moderno está mudando. A tecnologia pensada como meio para superar nossas limitações biológicas e enquanto elemento modificador de nossos hábitos, comunicação e partilha, nos ajuda a entender como seremos no futuro e de que forma se estabelecerão nossas relações, afetos e o que nos pertence como matéria. Nesta era tecnocientífica, onde o indivíduo como unidade social básica luta pela emancipação de seu próprio corpo e pelo direito de ocupar territórios, somos espontaneamente impelidos a ponderar sobre os caminhos futuros de um Mundo-Aporia.

Este recorte da Fantacine 2022 nos convida a questionar radicalmente as fronteiras da corporalidade, buscando, a partir de códigos da ficção-científica, apontar as transformações e ampliações de nossos limites sensoriais, afetivos e existenciais, investigando as transfigurações do agora, de que maneira estas mudanças têm impacto no vislumbre do corpo-porvir e suas modificações, formas de perceber, de estar e de ser-no-mundo.

A redescrição do corpo imaginada por estes 09 curtas-metragens indica as possibilidades e limites do humano/não-humano, explorando suas metamorfoses e o uso transgressivo da linguagem na perspectiva de reconhecermos pontos de intersecção nas representações que acabam por amplificar e desbravar o espaço lógico de invenção do humano.

Nos vemos lá, no futuro. Boa sessão!
Gian Orsini
Filmes